domingo, 16 de agosto de 2015

São Roque (1295-1327)

M. Heymans - Saint Roch
O Dia de São Roque é comemorado anualmente em 16 de Agosto. É homenageando o considerado padroeiro dos inválidos e cirurgiões, além de ser o protetor contra a peste e demais epidemias.
Nascido em uma família rica e nobre, São Roque viveu no século XIII, na cidade francesa de Montpellier. Quando ficou órfão, teria distribuído toda a sua herança entre os podres e vivido como um peregrino andarilho. São Roque viveu durante o terrível período da peste negra, na Europa, que teria devastado metade da população da época.
Depois de visitar Roma (período que alguns biógrafos situam de 1368 a 1371), onde rezava diariamente sobre o túmulo de São Pedro e onde também curou vítimas da peste, na viagem de volta para Montpellier, ao chegar a Piacenza, foi ele próprio contagiado pela doença, o que o impediu de prosseguir a sua obra de assistência. Para não contagiar alguém, isolou-se na floresta próxima daquela cidade, onde, diz a lenda, teria morrido de fome se um cão não lhe trouxesse diariamente um pão e se da terra não tivesse nascido uma fonte de água com a qual matava a sede. O cão pertenceria a um rico-homem, de nome Gottardo Palastrelli, que apercebendo-se miraculosamente da presença de Roque, o terá ajudado, sendo por ele convertido a emendar a sua má vida.
São Roque curou-se e tornou-se andarilho dedicando-se a curar e cuidar dos inúmeros doentes, passando pelas aldeias e levando a palavra de Deus para os enfermos.
São Roque morreu em 16 de Agosto de 1327, na prisão por ter sido confundido como espião. De acordo com a lenda, o carcereiro, que era manco de nascença, quando tocou no pé de São Roque para confirmar a sua morte, teria se curado imediatamente e começado a andar normalmente.

O interessante é que minha mãe para me castigar quando eu era adolescente não me dava comida. Aí uma irmã mais nova me trazia comida escondido e a minha mãe a chamava de São Roque.
Minha mãe era super-religiosa. Por isso detesto religião. A religião não faz ninguém melhor
.

Nenhum comentário: