quinta-feira, 24 de novembro de 2011

‘A volta do padre italiano Vito Miracapillo’
Expulso do Brasil em 1980, o padre Italiano tem seu visto deferido pelo ministério da justiça, sexta feira dia 16 o ministério das justiça validou a permissão para que o religioso volte a país em caráter definitivo. Vito Miracapillo era pároco na cidade de Ribeirão (região da mata) quando foi expulso do país, ele se recusou a celebrar a missa de independência do município a pedido da prefeitura municipal. Isso foi tomado como protesto contra o regime militar que ainda estava em vigor. Agora depois de trinta anos padre Vito conseguiu que fosse feita justiça, segundo ele é o reconhecimento do governo brasileiro pela violência que foi praticada contra si, padre Vito Miracapillo foi expulso do país a pedido do então deputado estadual a época Severino Cavalcante, hoje prefeito de João Alfredo Severino o classificou como subserviente e ele foi enquadrado na lei de segurança nacional e no estatuto do estrangeiro promulgado poucos dias antes de sua declaração, ele terminou sendo expulso por um decreto assinado no dia 15 de Outubro de 1980 pelo presidente e general João Figueredo. Mas agora, Vito Miracapillo tem seu visto permanente, antes seu visto era de turista dando-lhe o direito de passar no máximo 3 meses no país.

Nenhum comentário: