segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

História

Louis Jean François Lagrenée - History
“Pensar o passado para compreender o presente e idealizar o futuro”.
Heródoto
A palavra História tem sua origem nas investigações de Heródoto, cujo termo em grego antigo é Ἱστορίαι (Historíai). Desde os gregos antigos até o presente, a História se conjuga como método de investigação das relações e ações humanas em diferentes épocas. O historiador é o principal proponente nesse processo de investigação, sua tarefa não é julgar o passado, mas compreender por meio dele, as ações humanas que interferem sobre seu próprio presente.
Os primeiros Historiadores
Heródoto e Tucídides são considerados os primeiros historiadores. Viveram aproximadamente em fins do século V a.C.
Heródoto (484-5a.C - 420a.C.), considerado por Cícero como o pai da História era de Halicarnasso e Tucídides (460 a.C. - 396 a.C.) de Atenas.
Heródoto em sua obra intitulada Histórias é um importante catálogo historiográfico acerca das guerras greco-pérsicas do século V a.C. Heródoto também é considerado o pai da narrativa histórica, pela sua forma de escrita sem compromisso obrigatório com os documentos e fontes. Este escrevia o que via e sentia ao observar o fato com seus próprios olhos.
Tucídides, ao contrário, se propôs escrever os fatos com rigor metodológico, principalmente no que se refere às fontes, a forma e o público-alvo de seus escritos. Sua Obra, Guerra do Peloponeso, visava compreender o processo da guerra e sua interferência direta na sociedade grega de seu tempo. Seu método e objetivo, era compreender não só este processo, mas as inferências que poderia fazer sobre o futuro da Grécia ao analisar as possíveis consequências da guerra.
Assim Heródoto é considerado "pai da historiografia" e Tucídides, "pai do rigor histórico".

Nenhum comentário: