terça-feira, 22 de janeiro de 2013

“Dance, meu coração!
Dance hoje com alegria.
As formas de amor enchem os dias e as noites de música,
e o mundo ouve a melodia
Loucas de alegria, a vida e a morte
dançando ao ritmo dessa música.
As montanhas, o mar e a terra dançam.
O mundo do homem dança em riso e lágrimas.
Por que usar as vestes do monge e viver
separado do mundo com arrogância solitária?
Veja! Meu coração dança no deleite de cem artes;
e o Criador muito se compraz”.

Kabir Das (1440-1518)
Poeta hindu

Nenhum comentário: