quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Sagamar

Mar ave ilha
dessa vaga na milha

vento lavrador
nessa língua crespa

poreja o sal
nessa mão azul

um sol que ama
em cada verde

veia de saga
ardor do signo

viga de velejar
mastro que te veste

ao mar de silêncio
dardo dúbio do vento.

Cyro de Mattos

Um comentário:

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Não existe ano novo
se não houver sonhos novos.
Desejo que neste novo ano,
cada dia de vida da sua história,
seja vivido de modo calmo e pleno,
e que possas viver
o mais intenso caso de amor
com a sua vida,
e com os que fazem parte da sua vida.

Aluísio Cavalcante Jr.