domingo, 27 de março de 2011


A presidente da República, Dilma Rousseff, recebeu na noite da última sexta-feira (25) um grupo de atrizes e mulheres cineastas no cinema do Palácio da Alvorada. Durante o evento, foi exibido o filme "É Proibido Fumar", de Anna Muylaert. Após o longa, houve um jantar em comemoração ao mês da mulher.
Ao contrário de Mônica Bergamo que achou "estranho" a atriz Glória Pires pedir autógrafo para a presidente, eu acho que não é pouca coisa uma mulher que foi torturada tornar-se presidente. Isso é muito digno. Pena que a Imprensa tem todas essa resistência.

Nenhum comentário: