segunda-feira, 7 de maio de 2012

O tempo não cura nada,
o tempo só tira o incurável
do centro das atenções.

Nenhum comentário: